prazersecreto

prazersecreto
muito prazer

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Derek

Esta é a história da minha primeira vez com Derek. Aconteceu a alguns dias, estou nas minhas férias de verão da faculdade e aqui faz um calor terrivel! As férias inteiras tenho passado na piscina de amigos, um desses amigos é Derek. Ele tem uma "villa" em um hotel aqui perto. Um dia eu e vários amigos/as combinamos de ir para lá.
Chegando lá todas garotas já tiraram a roupa e ficaram de biquine, e os garotos de calção de banho. Bebemos, comemos hamburguers e cachorros, conversamos, etc.. Eu reparei que a tarde toda Derek ficou me olhando e tentando puxar conversa comigo, mas alguém sempre nos interrompia.
Chegou a noite e a maior parte das pessoas foi para a hidro ou entrou na casa. Eu adoro nadar então aproveitei a piscina só para mim. Quando subi para tomar ar vi que Derek estava sentado, na beira da piscina com as pernas para dentro. Sorri e fui andando até ele através da piscina.
- Porque tu não entra aqui comigo? - perguntei.
Ele sorriu sem jeito - Posso?
- Claro - respondi rindo também.
Ele se levantou. Deu uns passos para trás e se atirou na piscina, espirrou um monte de água, quando ele voltou a superficie nos dois rimos.
- Ei! Entrou água no meu olho, assopra aqui pra mim - pediu ele vindo até mim com um olho fechado.
Ele chegou perto o suficiente para nossas pernas se tocarem, eu soprei o olho dele dizendo que a água ja tinha saído. Ele abriu os olhos, nos nós olhamos durante um tempo, ele colocou uma das mãos na minha cintura me abraçando, a outra passou pelos meus cabelos puxando um pouco a minha cabeça mais para perto da dele. Nos dois nos inclinamos para o beijo.
Eu coloquei minhas mãos no cabelo dele, ele logo baixou a mão do meu cabelo para a minha cintura e a da cintura para a minha bunda. Nos andamos até a "parede" da piscina, eu apoiei minhas costas ali e nossos beijos começaram a ser mais calientes.
Eu entrelacei minhas pernas em volta da cintura dele, ele passava as mãos pela frente do meu biquine, paramos de nos beijar para tomar ar e tirei a parte de cima do meu biquine, ele pegou a deixa e colocou sua cara neles, começou a massagear um enquanto chupava o bico do outro me deixando arrepiada de prazer, eu lhe dizia para chupar com mais força, e ele obedecia.
Minhas mãos passeavam pelas costas dele lhe arrenhando de leve, minha boca beijava e mordiscava seu pescoço. Ele deixou meus dois peitos bem duros, com os bicos apontados para ele e doloridos. Me pediu para tocar no pau dele e eu atendi. Tirei minhas pernas da cintura dele, desabotoei o calção e começei a deslizar a mão pelo seu pau, era comprido e fino, branco com a cabeçinha bem rosada, começei com uma mão só a bater punheta para ele, mas ele me pedia para ir mais rápido, fiz com as duas mãos apertando seu pau no meio delas, batendo mais rápido do que jamais havia conseguido. Enfim, ele gozou, o gozo se espalhou pela piscina, mas na hora só rimos, sem nos preocupar.
Voltamos a nos beijar e sua mão desceu para a parte de baixo do meu biquine, ajudeio a tira-lá, ele abriu minha buceta rosando seu pau nela, já estava molhada querendo gozar também. Ele tirou o pau e começou a brincar com o meu grelo, eu me contorcia na sua mão e ele adorava ver minha cara de prazer. Pedia para ele meter seu pau logo em mim, mas ele dizia para mim esperar, que ele ia me fazer gozar só com a mão dele. Eu não aguentava mais: queria o pau dele!
Tentei tocar no pau dele para ver se batendo uma ele se excitaria e não conseguiria aguentar, mas não adiantou. Quando ele começou a meter seus dedos na minha buceta eu quase gozei, assim de cara mesmo. Ele primeiro colocou um, mas pedi para colocar mais, colocar a mão inteira, ele foi me atendendo aos poucos, colocando dois dedos e fazendo movimentos circulares que me fizeram tremer toda. Depois três, com quatro ele começou a socar com força, rapido, e eu queria mais rápido! Cavalguei nos dedos dele os deixando todos melados com meu gozo.
Satisfeito, ele recomeçou a me beijar, eu tentava acompanhar seus beijos, estava sem folego! Senti seu pau endurecendo aos poucos, enquanto ele ia roçando nas minhas pernas, na entrada da minha buceta, logo recuperei o desejo e peguei seu pau, bati bem rápido para endurece-lo bem e disse para ele meter em mim.
Ele obedeceu desta vez. Começou colocando somente a ponta e tirando, a cada vez enfiava um pedaço maior, até que o colocou por inteira na minha buceta, ficou um tempo parado, e começou a fazer movimentos com os quadris, eu o acompanhava, ele não tirou o pau de dentro da minha buceta nenhuma hora da transa! Ficamos grudadinhos, eu cavalgando, e ele socando, nada muito rápido, ou forte, mas muito gostoso, ficamos nessa durante uns dez minutos até os dois gozarem.
Nos estavamos nos beijando o tempo todo e saímos da piscina de mãos dadas, já prontos para ir descobrir o quarto!

www.prazersecreto.com.br mais de 2000 produtos sex shop


 
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário